Quem são os Anjos? (2ª parte) - Devoção e Fé - Blog Católico

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Quem são os Anjos? (2ª parte)


Quais são as tarefas do anjos da guarda?
Salvar o seu protegido. O fim último do homem é alcançar, através da experiência terrena, o Reino dos Céus. Porém, no transcorrer dessa experiência terrena, ele é continuamente tentado pelos espíritos do mal que querem impedi-lo de chegar a Deus. O homem deve escolher entre o bem e o mal. O anjo da guarda é o anjo bom, iluminado, sábio, que o aconselha e o ajuda a fazer a escolha certa. 
Há uma oração antiqüissima, que remonta ao terceiro século e que se chama "Anjo de Deus": resume de modo perfeito as atribuições do anjos da guarda. Segundo aquela oração, o anjo deve "iluminar", "proteger" e "guardar" o homem que Deus lhe confiou.
"Iluminar" significa ajudar o homem a "enxergar" a verdade, a saber valorizar as coisas, as situações, dissipar as dúvidas, tomar as decisões corretas.
"Proteger" quer dizer: defender dos perigos morais e físicos, salvar o seu protegido das situações desastrosas, sugerir-lhe intuições rápidas para evitas doenças, incidentes, ferimentos, dores.
"Guardar" é uma palavra que demonstra todo o amor de Deus. O termo "guardar" o homem porque, para Deus, o homem é o ser mais precioso da criação. Por isto, ele encarrega os seus anjos de "guardar" com a maior diligência e o maior amor cada ser humano em particular.
Portanto, o anjo da "guarda" tem muito o que fazer para ajudar a cada um de nós. O anjo da guarda é o nosso amigo mais fiel, mais afetuoso, mais sincero. Ele se realiza desenvolvendo a missão que Deus lhe confiou. Assim, ele a desenvolve com perfeição.

Em termos concretos, o que o anjo da guarda pode fazer por nós?
Teoricamente tudo. É inteligentíssimo, boníssimo, potentíssimo: pertence a uma dimensão superior à nossa, onde não estão presentes os limites da matéria, e pode intervir no nosso mundo como quiser. Portanto, pode fazer de tudo. Naturalmente a sua ação em nosso favor é iluminada e guiada pelos desígnios de Deus. O anjo não pode, por exemplo, ir contra a nossa vontade.
Se nós decidimos fazer uma coisa, o anjo não pode nos deter, mesmo sabendo que é perigosa, que pode ser fatal para nossa própria vida. O livre arbítrio é um bem concedido por Deus e que nem mesmo Deus viola. O homem escolhe a sua salvação, mas sem jamais "limitar" a liberdade. Portanto, Deus concede ao homem este auxílio estupendo e belíssimo, mas o homem deve decidir-se a servir-se dele. O anjo está sempre junto a nós, pronto a intervir, mas pouco pode fazer se não tem a nossa colaboração. Aqueles que o ignoram, que jamais falam com ele, que não o procuram, que não lhe pedem nada, não podem obter uma grande ajuda.
O anjo limitar-se-á, com pesar, a fazer aquele pouco que puder, respeitando a escolha de indiferença e de agnosticismo do seu protegido. Aqueles, que pelo contrário, crêem nesta verdade, que rezam ao seu anjo da guarda, que falam com ele, que o invocam, que o utilizam, podem obter incríveis vantagens.
Os santos tinham uma confiança total no anjo da guarda. Mas todas as pessoas que crêem nesta realidade têm episódios extraordinários para contar, porque as intervenções do anjo são inumeráveis e clamorosas. O anjo da guarda está junto a nós como uma mãe pressurosa. O Papa Pio II dizia:
"A familiaridade com os anjos proporciona um sentimento de segurança. Os nossos companheiros invisíveis nos comunicam alguma coisa que receberam diretamente de Deus."
A teologia a respeito dos anjos - conclui Monsenhor Ernesto Pisoni - é pouco conhecida e pouco estudada pelos cristãos. E é um pecado, porque trata-se de uma realidade espiritual estupenda que nos ajudaria a enfrentar com maior seriedade, coragem e confiança os sofrimentos, a sdores, as provações que a vida nos impõe a cada dia. E ao mesmo tempo, ajudaria-nos a "intuir" a beleza maravilhosa da vida que nos espera no além.
"Quando a alma está unida aos anjos, experimenta como que um acréscimo às suas faculdades. O astrônomo que aproxima os olhos de um telescópio, descobre horizontes que a potência da sua visão natural não poderia jamais atingir.
O efeito produzido na alma é mais ou menos o mesmo quando, pelo contato espiritual que a une ao anjo, ela prova uma repentina extensão da inteligência e do amor. É um mistério que não saberia explicar, mas que experimentei da maneira como disse acima".

Lucie-Cristine, mística francesa(1870-1908)-Seu Diário Espiritual.

Fonte: Revista Jesus Vive e é o Senhor (Entrevista com Monsenhor Ernesto Pisoni)
---------------------------------------------------------------------------------




Anjo Guardião
 
Canal da Graça
Composição: Alex Olliveira

Deus confiou a mim tuas lágrimas
Me deu a missão de estar contigo aonde for
Te socorrer quando andares mal
Ser teu conforto quando sentires dor
Sou mais que um amigo, sou teu anjo guardião
Aquele que te leva ao céu, te carrego pela mão

E sempre serei os teus olhos quando a dor te cegar
Te levo em meu colo se o teu passo falhar
Serei um elo entre o céu e você
Pra sempre serei tua luz se a escuridão te assustar
O abraço e o ombro pro teu pranto rolar
Serei um elo entre o céu e você
Sou teu anjo guardião

Deus confiou a mim teus segredos
Tudo do teu coração pra que eu possa te ajudar
Ser teu abrigo quando a chuva vir
Ser teu apoio pra não te deixar cair
Sou mais que um amigo, sou teu anjo guardião
Aquele que te leva ao céu, te carrego pela mão

Vou te abraçar com minhas asas
Levarei teu coração ao coração de Deus 





Um comentário :

  1. Olá! fiquei muito feliz em conhecer o seu blog, rico em conteúdo.
    Conheça o blog da paróquia São Pedro Apóstolo.
    pspedrogpuava.blogspot.com
    Grande abraço na Paz e no Amor de Cristo,

    Reinaldo

    ResponderExcluir

Irmãos e irmãs de fé. Paz e Bem!
Nosso único mestre e senhor é Jesus Cristo, nossa mãe no céu a Santíssima Virgem Maria, por isso, comentários desrespeitosos e orações que não condizem com a Igreja Católica Apostólica Romana não serão publicadas.

Que Deus vos abençoe, que Nosso Senhor Jesus Cristo lhes conceda a graça da cura, da resolução dos problemas, a paz e tudo que seu coração aflito suplicar. Tenha Fé e persevere na Oração, pois o Tempo de Deus é diferente do nosso. Deixe o amor de Nosso Senhor tocar sua vida.
Que Nossa Santíssima Mãe vos cubra com o manto de amor e proteção. Amém.

Adriana dos Anjos - Devoção e Fé Blog

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé