Papa Francisco no Equador, Bolívia e Paraguai com a alegria do Evangelho - Devoção e Fé - Blog Católico

domingo, 5 de julho de 2015

Papa Francisco no Equador, Bolívia e Paraguai com a alegria do Evangelho

Teve início na manhã deste domingo 5 de julho a 
9ª Viagem Apostólica Internacional do Papa Francisco

Já iniciou a viagem do Papa Francisco na América Latina. O avião papal partiu esta manhã do aeroporto de Fiumicino. A primeira etapa será o Equador. A partir de quarta-feira Francisco estará na Bolívia e por fim na sexta-feira transferir-se-á para o Paraguai, para depois regressar ao Vaticano na segunda-feira, dia 13 julho.

Passaram dois anos desde a viagem do Papa ao Rio de Janeiro para o Dia Mundial da Juventude em 2013 e agora Francisco regressa à América do Sul para a sua 9ª viagem apostólica internacional. Equador, Bolívia e Paraguai serão as etapas: "nações irmãs", definiu-as o Papa na vídeo-mensagem difundida nas vésperas e apresentada simultaneamente nos três países.

Uma peregrinação seguindo os passos de São João Paulo II que viajou aos três Estados latino-americanos em 85, no Equador, e em 88, na Bolívia e Paraguai. É a primeira vez que, numa sua viagem, o Papa Francisco visita três países: mais de 24 mil serão os quilómetros que vai percorrer numa semana, variando altitudes e temperaturas, mas também vivendo situações e percursos históricos diferentes.

"Quero ser testemunha da alegria do Evangelho", referindo-se ao tema que une toda a viagem que, por sua vez, se inspira à Evangelii Gaudium, e trazer - disse o Papa antes de partir - a ternura e o carinho de Deus, especialmente "aos seus filhos mais necessitados, os idosos, os doentes, os prisioneiros, os pobres, a todos aqueles que são vítimas desta cultura do descarte”.

O Equador tem como lema: "Evangelizar com alegria". O País está pronto para acolher o Papa: nos preparativos e na organização, é forte a coesão entre o governo, as forças da ordem e a Nunciatura em Quito, com a colaboração dos bispos locais, apoiados diariamente no seu empenho concreto por várias Conferências Episcopais Europeias. Nos últimos dias, houve manifestações por parte de activistas em defesa dos direitos humanos e das comunidades indígenas, que se opõem à perfuração e extracção de petróleo na Amazónia. Mas o País agora só pensa em abraçar Francisco. As etapas do Pontífice são Guayaquil e Quito. Na primeira Francisco visita, entre outros lugares, o Santuário da Divina Misericórdia e celebra a Missa no Parque de Los Samanes. Na capital, entre os encontros agendados, a grande Celebração eucarística, dedicada à evangelização dos povos, no Parque do Bicentenário, uma visita privada à "Iglesia de la Compañia' - onde Francisco se recolherá em oração diante da imagem de Nossa Senhora das Dores – e à Casa de Repouso das Missionárias da Caridade, o encontro com os religiosos no Santuário Mariano Nacional Mariano 'El Quinche'.

Em seguida, a transferência para a Bolívia, cujo lema é: "Com Francisco anunciamos a alegria do Evangelho". El Alto e La Paz, a 4.000 e 3.600 metros de altura, aguardam o Papa que, entre os vários encontros, terá uma breve paragem no lugar do assassinato do Padre Luis Espinal, um jesuíta morto em 1980 na época da ditadura. Em Santa Cruz de la Sierra, novo Centro económico do País, a 450 metros por cima do nível do mar, o Papa abrirá o V Congresso Eucarístico Nacional e o Encontro Mundial dos Movimentos Populares.

Finalmente Asunción e Caacupé, no Paraguai, com o lema: "Mensageiro de alegria e de paz" Prevista uma visita ao hospital pediátrico da Capital, bem como ao Bañado Norte, zona pobre e pantanosa da cidade; além disso a Santa Missa no Santuário Mariano de Caacupé: o Papa Francisco é muito devoto à Imaculada Conceição dos milagres, que aqui é venerada. E uma outra Celebração eucarística no parque da base Nu Guazu, onde se estão a fazer os últimos retoques ao '"altar de milho" feito com espigas de milho, pequenos cocos, milhares de sementes e inspirado na cultura indígena. As realidades autóctones serão, portanto, algumas das particularidades desta viagem, juntamente com os momentos marianos, os encontros com as crianças doentes, os idosos, os presos, os pobres, para além dos encontros com as autoridades e as Igrejas locais. Uma outra viagem às "periferias" do mundo, tão centrais no coração do Papa Francisco. (BS)

* Francisco mais uma vez confiou a Nossa Senhora sua viagem apostólica. Neste sábado (4/7), por volta das 19h locais, na Basílica de Santa Maria Maior, o Papa rezou por 20 minutos diante da imagem de Maria Salus Popoli Romani e deixou flores brancas no altar.(RB)

Fonte: Radio Vaticano



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Irmãos e irmãs de fé. Paz e Bem!
Nosso único mestre e senhor é Jesus Cristo, nossa mãe no céu a Santíssima Virgem Maria, por isso, comentários desrespeitosos e orações que não condizem com a Igreja Católica Apostólica Romana não serão publicadas.

Que Deus vos abençoe, que Nosso Senhor Jesus Cristo lhes conceda a graça da cura, da resolução dos problemas, a paz e tudo que seu coração aflito suplicar. Tenha Fé e persevere na Oração, pois o Tempo de Deus é diferente do nosso. Deixe o amor de Nosso Senhor tocar sua vida.
Que Nossa Santíssima Mãe vos cubra com o manto de amor e proteção. Amém.

Adriana dos Anjos - Devoção e Fé Blog

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé