Aparição aos Onze - 2º Domingo da Páscoa (Ano A) - Devoção e Fé - Blog Católico

domingo, 27 de abril de 2014

Aparição aos Onze - 2º Domingo da Páscoa (Ano A)

 Aparição aos Onze

2º Domingo da Páscoa

Evangelho de Jo 20, 19-31

19. Na tarde do mesmo dia, que era o primeiro da semana, os discípulos tinham fechado as portas do lugar onde se achavam, por medo dos judeus. Jesus veio e pôs-se no meio deles. Disse-lhes ele: A paz esteja convosco!

20. Dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos alegraram-se ao ver o Senhor.

21. Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós.

22. Depois dessas palavras, soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo.

23. Àqueles a quem perdoardes os pecados, ser-lhes-ão perdoados; àqueles a quem os retiverdes, ser-lhes-ão retidos.

24. Tomé, um dos Doze, chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus.

25. Os outros discípulos disseram-lhe: Vimos o Senhor. Mas ele replicou-lhes: Se não vir nas suas mãos o sinal dos pregos, e não puser o meu dedo no lugar dos pregos, e não introduzir a minha mão no seu lado, não acreditarei!

26. Oito dias depois, estavam os seus discípulos outra vez no mesmo lugar e Tomé com eles. Estando trancadas as portas, veio Jesus, pôs-se no meio deles e disse: A paz esteja convosco!

27. Depois disse a Tomé: Introduz aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos. Põe a tua mão no meu lado. Não sejas incrédulo, mas homem de fé.

28. Respondeu-lhe Tomé: Meu Senhor e meu Deus!

29. Disse-lhe Jesus: Creste, porque me viste. Felizes aqueles que crêem sem ter visto!

30. Fez Jesus, na presença dos seus discípulos, ainda muitos outros milagres que não estão escritos neste livro.

31. Mas estes foram escritos, para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais a vida em seu nome.

Reflexão

A Ressurreição de Jesus surpreendeu a todos. João já tinha visto o sepulcro vazio e Pedro também, mas não tinham visto Jesus. Estavam reunidos a portas trancadas, por medo dos judeus. Estavam vivendo horas e dias de terror. 
Com a morte de Jesus estariam mortos todos os sonhos e os projetos que eles tinham com Ele. Estavam longe de entender o significado da morte de Jesus. No primeiro dia da semana, dia do Senhor, Jesus se apresentou no meio deles, as portas estavam trancadas. Todos achavam que estavam sonhando, mas não. Era Jesus, vivo e ressuscitado, mostrando os sinais da Sua paixão, e disse: "A paz esteja com vocês", "Shalom", uma saudação hebraica carregada de significado: "Não tenham medo, Deus esteja conosco". 
Esta paz era a segurança que Jesus vivo estava dando. Vitorioso sobre a morte de cruz, soprou sobre eles o Espírito Santo, o amor infinito do Pai. Aquilo que levou Jesus a amar, a se entregar. 
Quis que o amor infinito do Pai estivesse para sempre presente como a força para seus apóstolos, dando assim a eles o poder, que somente Deus tem, de perdoar. Tomé não acreditou, Jesus voltou para provar que realmente tudo era verdade, mostrando as marcas das chagas. Então Tomé acreditou: "Meu Senhor e meu Deus". [a]

Oração

Senhor Jesus, iluminado pelo dom da fé, eu creio que sois o Filho de Deus, vencedor da morte, meu Senhor e Salvador. Atraído por vós, acredito no testemunho dos discípulos que vos viram crucificado, morto, sepultado e finalmente vivo de novo, na vida nova da glória.
Creio que me quereis fazer participante dessa vossa vida nova, na plena união, no conhecimento mais íntimo, na felicidade completa, sem lágrimas nem dores.
Senhor, conservai e aumentai em mim o dom da fé, e para crer em vós não precisarei, como Tomé, tocar em vossas chagas. Eu vos aceito como meu Senhor e meu Deus, e quero que ocupeis sempre o primeiro lugar em minha vida; só de vós espero a salvação, a felicidade e a paz. Amém. [b]

Fonte : Revista O Mílite (abril/2014) [a]
Revista de Aparecida (abril/2014) [b]



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé