Pular para o conteúdo principal

Post Recente em Destaque

Seis conselhos para que as crianças vivam a missa

Nino_Misa_Pixabay.webp
Imagem ilustrativa | Pixabay

Por Redação central

10 de jan de 2024 às 06:00

Emma Follett, editora de livros e mãe de criança pequena, tem algumas ideias para ajudar os pais a formar as crianças na vivência da missa.

Em artigo publicado no jornal National Catholic Register, do grupo EWTN a que pertence ACI Digital, Follett disse que como “jovem mãe de uma família em crescimento”, participar da missa é um desafio, especialmente com crianças pequenas.

Follett disse que ao ver outras famílias se perguntou se estava fazendo o máximo para ensinar seu filho a se comportar durante a missa, por isso buscou respostas e escreveu alguns conselhos sobre como “promover um comportamento apropriado durante a missa que também pode ajudar a sua família”.

"Com instrução saudável e tranquilidade, nossos filhos respeitarão a missa tanto quanto nós", disse.

1. Sentar-se nos bancos da frente

Follett disse que embora sentar-se nos bancos mais próximos ao altar possa significar uma caminhada maior à parte de trás da igreja em caso de pirraças, as crianças se sentem mais envolvidas com a celebração e podem ver melhor o que está acontecendo. “As crianças podem se envolver muito mais do que quando só ficam vendo as costas” dos outros fieis, disse.

2. Responder às perguntas das crianças

Mesmo que seja em sussurros, “as perguntas sobre a missa devem ser respondidas. Uma criança não se lembrará das suas perguntas depois da missa e, desde que seja de forma respeitosa, receber as respostas vai ajudá-la a pensar realmente no que está acontecendo”, destacou.

Follett acrescentou que os pais podem mostrar com tranquilidade os momentos importantes da celebração, como, por exemplo, durante a consagração dizer: “Olha! Aí está Jesus!”.

É importante fomentar o diálogo depois da missa e conversar “sobre a homilia e as leituras, por quê o padre vestiu uma cor especial, etc.”

3. Promover a participação

A editora incentivou os pais a participar da missa diária para proporcionar às crianças a “prática” necessária para “prepará-las para as missas dominicais mais longas”.

Ela disse que dar uma tarefa para as crianças durante a missa pode criar nelas uma “sensação de conquista e maturidade”, com responsabilidades simples como “colocar o dinheiro na cestinha da coleta”.

“Considere levá-los para um 'passeio pela igreja' em algum momento durante a semana ou depois da missa. Peça ao diácono, padre ou sacristão da sua paróquia que mostre às crianças, de perto, os lugares da igreja que de outra forma não poderiam ver e explicar o que acontece ali. O ambão, o sacrário e o altar podem despertar a curiosidade das crianças”, acrescentou.

4. Preparar-se da melhor forma possível

Follett aconselhou os pais a deixarem a roupa preparada desde a noite anterior, organizar as “bolsas com as fraldas e tomar o café da manhã a tempo”, para não chegar agitados e incomodados na missa.

“Pode praticar a genuflexão, fazer o sinal da cruz e cantar algumas músicas de missa mais comuns e simples em casa”, acrescentou.

5. Não reforçar os maus comportamentos

A editora destacou que, quando for necessário ir para a parte de trás da igreja, deve-se evitar deixar as crianças correrem soltas ou dar-lhes comida ou brinquedos, “caso contrário, irão associar sua má conduta ao recebimento de uma recompensa”.

“Em vez disso, segure-os em seus braços e dê uma explicação apropriada para a idade sobre o mau comportamento”, acrescentou.

6. Celebrar os domingos

Follett aconselhou levar uma "bolsa de missa" com brinquedos macios e livros apropriados para a idade sobre a Bíblia ou sobre missa que possam ser usados ​​de maneira respeitosa sem "desmerecer o sacramento".

"Ter algo 'especial' para ver pode ser uma parte emocionante do domingo para as crianças", acrescentou.

Além disso, aconselhou a vestir-se com elegância para assistir à missa, para que as crianças entendam que a celebração é algo especial.

A editora aconselhou dar pequenas recompensas que eles possam compartilhar em família após a missa.

“Embora os lanches sejam uma distração durante a missa, desfrutar de uma refeição especial ou lanche depois pode ser uma excelente recompensa, ao mesmo tempo que dá às crianças algo para aguardar a cada fim de semana”, acrescentou.

“À medida que nossos filhos crescem e têm irmãos mais novos, o trabalho árduo que estamos fazendo agora permitirá que nossos filhos mais velhos sejam modelos para os mais novos. Entretanto, podemos pedir a graça de Deus para suportar os momentos mais difíceis do processo de ensino”, concluiu.

---

Comentários

Receba Notícias do Blog em seu E-mail

Receba novos posts por e-mail:

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog