Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Qual é a diferença entre confissão e direção espiritual?

confession
SeventyFour | Shutterstock

Philip Kosloski - publicado em 20/10/21

São dois ministérios distintos, embora a direção espiritual possa fazer parte da confissão em alguns casos

Para a Igreja Católica, a confissão é distinta da direção espiritual.

A confissão é um dos sete sacramentos da Igreja, enquanto a direção espiritual é uma reunião ou série de encontros entre um diretor espiritual – um sacerdote, um leigo ou religioso – e uma pessoa que busca conselho para se aproximar de Deus.

A confissão

Jesus Cristo instituiu o sacramento da confissão, estendendo seu ministério de perdão por meio do ministério de seus apóstolos. O Catecismo da Igreja Católica resume este sacramento da misericórdia de Deus:

“Ao tornar os Apóstolos participantes do seu próprio poder de perdoar os pecados, o Senhor dá-lhes também autoridade para reconciliar os pecadores com a Igreja. Esta dimensão eclesial do seu ministério exprime-se, nomeadamente, na palavra solene de Cristo a Simão Pedro: «Dar-te-ei as chaves do Reino dos céus; tudo o que ligares na terra ficará ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra ficará desligado nos céus» (Mt 16, 19). «Este mesmo encargo de ligar e desligar, conferido a Pedro, foi também atribuído ao colégio dos Apóstolos unidos à sua cabeça” (Mt 18,18; 28, 16-20)”. 

CIC 1444

Para ser claro, é Deus quem perdoa os pecados, por meio do ministério sacerdotal. No sacramento da confissão, o penitente se aproxima do sacerdote e lhe relata os pecados.

A confissão das faltas cotidianas foi encorajada pela Igreja, mas não é uma parte necessária do sacramento.

No rito romano, a confissão normalmente deve ser breve e direta, focando apenas nos pecados graves. O padre pode oferecer algumas palavras de conselho e encorajamento, mas qualquer conversa longa deve ser reservada para a direção espiritual.

Além disso, o Direito Canônico estabelece que a confissão deve acontecer em uma igreja ou oratório sempre que possível, a menos que por justa causa.

A direção espiritual

Aqui está como o  Centro João Paulo II para a Nova Evangelização descreve a direção espiritual:

“A direção espiritual é se reunir com um diretor treinado e experiente para refletir sobre como Deus está presente e ativo em sua vida agora, e como Deus pode chamar você para um relacionamento mais profundo. Deus é o Diretor; o diretor humano serve como o vaso através do qual o Espírito trabalha para descobrir  o Divino em ação em suas experiências cotidianas. O conteúdo da sessão de direção é simplesmente a sua vida: qualquer aspecto, história ou experiência que você se sinta motivado a trazer para a oração e reflexão. Você, o dirigido, seu diretor e o Espírito Santo se encontram em uma conversa sagrada para que ‘você possa ter vida e tê-la com mais abundância’. (João 10,10). Acima de tudo, seu diretor espiritual o ouve e o ajuda a esclarecer as dicas e palpites, os convites e as ‘cutucadas’ do Espírito em sua vida.“

A direção espiritual, portanto, não é psicoterapia ou aconselhamento. Além disso, o melhor diretor espiritual normalmente não lhe dirá o que fazer. Em vez disso, um bom diretor espiritual o ajudará a encontrar o Espírito Santo em sua vida e lhe dará dicas sobre como discernir o melhor curso de ação.

Às vezes, a direção espiritual com um sacerdote pode incluir a confissão sacramental, mas normalmente são ministérios diferentes.

Frequentemente, a direção espiritual ocorre em um escritório e por um longo período de tempo. É durante a direção espiritual que um padre pode oferecer conselhos e apoio extensos, para os quais ele não teria tempo durante a confissão.

Confissão ou direção espiritual?

Enfim, é importante saber a distinção entre confissão e direção espiritual, pois assim você poderá saber o que é que você busca. Se você deseja, por exemplo, ajuda em sua vida espiritual, marque uma reunião com um diretor espiritual.

Por outro lado, se você deseja ser absolvido de seus pecados, vá à sua paróquia e encontre os horários de confissão.

Envolver-se em uma extensa sessão de direção espiritual durante a confissão pode causar complicações adicionais, especialmente se o sacerdote estiver se preparando para a missa ou se houver uma longa fila de penitentes atrás de você. É por isso que é melhor mantê-las separadas e programar um tempo de direção espiritual diferente de um tempo de confissão.

Fonte: Aleteia
---

Comentários

Receba Notícias do Blog em seu E-mail

Receba novos posts por e-mail:

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog