Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Quando os católicos começaram a se confessar antes da Missa?

CONFESSION
Di PIGAMA|Shutterstock

Philip Kosloski - publicado em 02/07/21

A Didaqué já ensinava claramente que quem desejasse receber a comunhão deveria se confessar primeiro

A celebração da Missa começou com a Última Ceia e continuou com os primeiros discípulos de Jesus. Este “partir o pão” está em várias cartas do Novo Testamento, mas também em um antigo documento, que recebeu o nome de Didaqué.

De fato, Didaqué é uma coleção antiga de escritos que a maioria dos estudiosos data do primeiro século. Alguns até alegaram que pode ser datado de 48 DC, com base na evidência de ele ter sido escrito antes do Concílio de Jerusalém.

A Didaqué detalha vários aspectos da celebração precoce da Missa, como a exigência de receber a sagrada comunhão:

“Mas todos os dias do Senhor, ajuntem-se, partam o pão e dêem graças depois de confessar suas transgressões, para que seu sacrifício seja puro. Mas ninguém que esteja em desacordo com o seu próximo venha junto com você, até que eles se reconciliem, para que o seu sacrifício não seja profanado. Pois isto é o que o Senhor falou: Em todo lugar e tempo oferece-me um sacrifício puro, pois eu sou um grande Rei, diz o Senhor, e meu nome é maravilhoso entre as nações.

É claro nesta passagem que a confissão dos pecados era uma parte essencial da participação na missa e do recebimento da sagrada comunhão.

Confissão de pecados graves

A Igreja Católica tem mantido esta posição, explicando que o pecado mortal nos proíbe de receber a comunhão. Diz o Catecismo:

“Aquele que tem consciência de haver cometido um pecado mortal, não deve receber a sagrada Comunhão, mesmo que tenha uma grande contrição, sem ter previamente recebido a absolvição sacramental; a não ser que tenha um motivo grave para comungar e não lhe seja possível encontrar-se com um confessor.” (CIC 1457)

Os pecados veniais não precisam ser confessados ​​antes da comunhão.

Os primeiros cristãos sabiam que antes de podermos ser unidos a Deus na santa comunhão, devemos primeiro nos reconciliar com ele.

Fonte: Aleteia
---

Comentários

Receba Notícias do Blog em seu E-mail

Receba novos posts por e-mail:

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog