Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Fim dos contágios de covid em hospital foi atribuído há um ano a ícone de Nossa Senhora


Nossa Senhora de Capocolonna
CC

Francisco Vêneto - publicado em 29/04/21

Com o quadro de Nossa Senhora de Capocolonna no Hospital São João de Deus, doentes de covid-19 começaram inexplicavelmente a se curar

O fim dos contágios de covid num hospital da Itália, entre abril e maio do ano passado, foi atribuído à chegada de um quadro de Nossa Senhora de Capocolonna: a partir da colocação do ícone, os enfermos dessa doença no Hospital São João de Deus, em Crotone, na região da Calábria, começaram inexplicavelmente a se curar, assim como a propagação dos novos casos na província começou a diminuir notavelmente.

O quadro representando Nossa Senhora de Capocolonna, padroeira da Calábria, foi levado ao hospital em 26 de março de 2020. O capelão do hospital, pe. Claudio Pirillo, relatou ao site católico Il Timone que a imagem tinha sido enviada a pedido do arcebispo de Crotone, dom Angelo Raffaele Panzetta, como forma de encorajamento espiritual aos doentes. Segundo o pe. Claudio, os contágios começaram a parar depois da chegada do ícone ao hospital.

Mas o fenômeno é causado pelo quadro como tal?
Não. Objetos não têm poder em si mesmos.

O sacerdote atribuiu os casos de cura à fé das pessoas em Deus, inspirada e aprofundada pela sua confiança em Nossa Senhora. Sabe-se, afinal, que a fé exerce influência positiva na capacidade de resistência e resiliência das pessoas, tanto emocional quanto fisicamente.

Junto com a fé, no entanto, é preciso agir: o conjunto de ações preventivas, cuidados médicos adequados e força interior enriquecida pela fé pode ser apontado, com razoabilidade, como um “pacote” de impacto contra a doença.

Nada impede, é claro, que Deus intervenha milagrosamente e atue sem qualquer cooperação humana, mas não costuma ser este o Seu estilo: Ele pede claramente que o homem também faça a sua parte.

Fim dos contágios de covid em hospital

O pe. Claudio comentou no ano passado sobre a relação entre a fé em Nossa Senhora de Capocolonna e o aumento das curas na região:

“Os caminhos de Nosso Senhor são realmente misteriosos, mas, de uma perspectiva de fé, temos que dizer que, se não acreditássemos, não a teríamos trazido até aqui e não teríamos confiado nela. Neste caso, é sempre melhor acreditar, até porque não sabemos o que teria acontecido, quantos mortos haveria, se Nossa Senhora não tivesse entrado no recinto em que foi acolhida com a mesma devoção dos habitantes de Crotone que a retiraram das águas no século XVI”.

A história de Nossa Senhora de Capocolonna

A devoção à “Madonna di Capocolonna” envolve uma cena semelhante à que está na origem da devoção a Nossa Senhora Aparecida no Brasil: o fato de que a sua imagem foi resgatada das águas por um pescador.

Era o ano de 1519 quando o ícone de Nossa Senhora amamentando o Menino Jesus caiu nas mãos dos turcos otomanos, que haviam invadido a cidade. Eles tentaram queimar o ícone, mas a imagem não pegou fogo.

Intimidados, os invasores muçulmanos jogaram a imagem ao mar, mas o quadro foi flutuando rumo à praia. Um pescador o encontrou e o manteve escondido. Quando estava prestes a morrer, ele entregou a imagem ao povo da cidade, que, desde então, invoca Nossa Senhora de Capocolonna como protetora contra invasões, pestes e terremotos.

Nossa Senhora de Capocolonna

Fonte: Aleteia

Comentários

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog