“O Diabo e o Padre Amorth”, disponível agora na Netflix


J-P Mauro | Set 18, 2020

O criador de ‘O Exorcista’ documenta um verdadeiro exorcismo católico neste documentário

William Friedkin, diretor do icônico filme “O Exorcista”, lançou um segundo filme sobre o tema da possessão demoníaca em 2017, “O Diabo e Padre Amorth”. Ao contrário de sua adaptação clássica de 1973 do romance de William Peter Blatty, “O Diabo e Padre Amorth” é um documentário, que registra um verdadeiro exorcismo católico realizado pelo falecido padre Gabriel Amorth, que serviu como exorcista da Diocese de Roma por mais de 30 anos até sua morte em 2016.
“O Diabo e o Padre Amorth” vem após décadas de pedidos do cineasta para assistir a um dos exorcismos do padre Amorth. Friedkin, em seu papel de apresentador do documentário, disse que o padre Amorth considerava “O Exorcista” seu filme favorito, porque chamou a atenção para seu trabalho, mesmo que não fosse totalmente preciso. Embora o diretor tenha feito amizade com o humilde padre, foi só em 2015 que ele foi convidado a testemunhar o trabalho de Amorth.

O documentário acompanha o caso de uma italiana chamada Cristina ao receber seu nono exorcismo de pe. Amorth. O filme mostra seu dramático procedimento espiritual, durante o qual ela grita com uma voz desumana e se debate contra vários homens que se esforçam para mantê-la no lugar. O exorcismo dura quase 20 minutos e pode deixar os espectadores com o mesmo brilho de suor que é mostrado nas sobrancelhas dos homens que tentam segurar Cristina.
A fim de fazer um exame imparcial do caso de Cristina, Friedkin conversa com uma ampla gama de especialistas em distúrbios espirituais e doenças mentais.
No lado espiritual, a lista de entrevistados de Friedkin incluía Jeffrey Burton Russell, autor de Prince of Darkness, e o bispo Robert Barron. Russell estava temeroso ao avisar Friedkin para não chegar muito perto do assunto da possessão demoníaca, por medo de que ele pudesse se tornar vulnerável a esse mal. O bispo Barron explicou que nem toda pessoa pode ser exorcista, pois trata-se de um trabalho que não deve ser encarado de forma leviana.
“O Diabo e o Padre Amorth” já está disponível na Netflix. Observe que o filme tem classificação indicativa de 12 anos, mas pode não ser adequado para o público jovem.

Fonte: Aleteia

Comentários

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog