Bispos aprovam oficialmente primeiro milagre neste santuário mariano - Devoção e Fé - Blog Católico

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Bispos aprovam oficialmente primeiro milagre neste santuário mariano


Imagem de Nossa Senhora de Knock.
Crédito: Michael McLaughlin Photography / Wikipedia CC BY-SA 4.0

DUBLIN, 10 Set. 19 / 07:00 am (ACI).- A Igreja Católica na Irlanda aprovou oficialmente o primeiro milagre realizado no Santuário de Knock, onde apareceram a Virgem Maria, São José e o Agnus Dei. Nesse lugar, uma mulher foi curada depois de receber a bênção com o Santíssimo Sacramento.

A cura ocorreu no santuário em 1989. Marion Carroll, que estava paralítica e sofria de epilepsia, foi levada ao local em uma maca. O então Bispo de Ardagh e Clonmacnois, Dom Colm O'Reilly, a abençoou com o ostensório e logo após ela ficou curada, milagrosamente.

Depois de estar na Missa, foi levada a um local para ser atendida. Lá, pediu para se levantar da maca. Assim o fez e já estava curada. Desde então, ela serve no santuário prestando assistência aos peregrinos.

Em 1º de setembro deste ano, em uma Missa celebrada no santuário, o atual bispo de Ardagh e Clonmacnois, Dom Francis Duffy, disse: "Reconheço que Marion foi curada de sua longa doença quando veio em peregrinação a este lugar santo".

Depois de destacar que muitos testemunharam a cura da mulher, o Prelado enfatizou que, em 1989, “Marion foi libertada de sua doença e do impacto que tinha sobre ela e sobre sua família. Foi também uma cura para a qual não há explicação médica. É definitiva e desafia qualquer explicação médica”.

O Arcebispo de Tuam, Dom Michael Neary, também esteve na Missa, em 1º de setembro, e disse que "hoje a Igreja reconhece formalmente que essa cura não admite explicação médica e se une em oração, louvor e ação de graças a Deus".

As aparições em Knock

Em 21 de agosto de 1879, por volta das 20h, quinze pessoas entre 5 e 74 anos testemunharam a aparição de Nossa Senhora, São José, Agnus Dei e São João Evangelista, envolvidos em uma luz brilhante no interior da igreja paroquial da cidade de Knock.

Ao lado das figuras dos santos, que estavam no centro do recinto, havia um altar grande e simples. No altar apareceu um Cordeiro olhando para o oeste e atrás dele havia uma grande cruz. Os anjos rodeavam o Cordeiro durante toda a aparição.

A informação oficial do santuário indica que as testemunhas presenciaram a aparição durante uma chuva torrencial de duas horas, enquanto rezavam o Santo Terço. Diferente de outras aparições, nesta, a Virgem permaneceu em silêncio e não deu nenhuma mensagem.

Os testemunhos foram recolhidos seis semanas depois por uma Comissão de Investigação criada pelo Arcebispo de Tuam, Dom John MacHale, em outubro de 1879. As quinze testemunhas foram examinadas e a comissão informou que o testemunho de todos, tomados juntos, era confiável e satisfatório.

Em 1936, foi criada outra comissão diante da qual os três videntes sobreviventes compareceram: Mary O'Connell (Mary Byrne), Patrick Byrne e John Curry. Todos os três confirmaram suas declarações originais de muitos anos atrás.

O Vaticano deu a sua aprovação após os relatórios das comissões de 1879 e 1936.

Fonte: ACI digital



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog