Pular para o conteúdo principal

Post Recente em Destaque

Roteiro de Oração do Rosário-Quinta Dezena dos Mistérios Gozosos


Roteiro de Oração do Rosário

Quinta Dezena dos Mistérios Gozosos

Contemplando A perda e o encontro de Jesus 
no Templo de Jerusalém

Leitor 1. Queridos irmãos e irmãs, iniciemos nosso encontro fraterno ao redor da Palavra de Deus, junto com Maria, aquela que gerou a Palavra feita carne. Que possamos viver e partilhar este momento de oração, depositando com confiança no coração de Deus o que trazemos nos nossos corações.

Todos. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Leitor 2. O significado fundamental da devoção a Maria, da referência a Ela, consiste em compreender e imitar sua fé, vivida e associada ao mistério singular de seu Filho. Uma fé transparente também na noite, na escuridão, quando Ela compreende e não compreende o plano de Deus, porém adere a ele intimamente, sem discrepâncias. É consolador e eficaz dirigimo-nos a Ela na hora da prova e da dor: para que se faça companheira de caminho, nos abra à esperança e siga ensinando-nos que também o caminho da noite pode ter uma grande fecundidade espiritual.

Leitor 3. Maria escutava sempre a Deus. Hoje somos chamados a ouvir a Palavra de Deus, que é luz e vida nas nossas vidas. Proclamação do Evangelho de Lucas 2, 41-50.

Leitor 4. Ao encontrar-se no templo de Jerusalém, símbolo da casa celestial do Pai e símbolo, portanto, da verdadeira morada do Filho de Deus, Jesus declara a Maria e José, estupefatos: "Não sabíeis que é preciso que esteja com meu Pai na sua casa?". Esta resposta de Jesus revela duas coisas: é a formula do duplo mistério da paixão e ressurreição pelas quais Jesus voltará ao Pai, mistério ontológico de Jesus; por outro lado, revela o mistério redentor: "é preciso", "é necessário" são expressões que encontraremos no final do Evangelho de Lucas ao falar do mistério pascal: "Não era preciso que o Cristo sofresse tudo isto para entrar em sua glória?" (Lc 24, 26).

Leitor 1. "E eles não compreendiam o que lhes dizia"; diante de tão dura manifestação do mistério e de suas consequências, Maria e José não compreendem. Devem seguir caminhando. Isto explica muito bem nossa dificuldade em compreender o mistério pascal de Cristo. Maria e José, de forma humilde, simples e acolhedora, viveram antes de nós o terrível fato de não compreender. Rezemos esta dezena sentindo a presença materna de Maria nas nossas vidas.

Todos. 1 Pai-Nosso e 10 Ave-Marias

Leitor 3. Refletindo sobre tudo isto, vamos rezar esta bela oração de súplica a Maria:

Todos. Maria, frequentemente não compreendemos. Faze com que tua humildade e sofrimento ao não compreender nos sustentem no sofrimento, no orgulho e na soberba do nosso não compreender. Cura com tua doçura e perseverança, com teu paciente silêncio a rebeldia que acompanha nossa reflexão sobre a nossa vida, a vida das comunidades e da Igreja. Faze com que participemos do teu "Sim", que se manteve na maior escuridão, até o momento da cruz e da ressurreição. Amém.

Leitor 1. Maria, peregrina na fé!

Todos. Intercedei por nós.

Autor: Padre Julio Caprani

Fonte: Revista O Mílite (julho/2013)

Comentários

Receba Notícias do Blog em seu E-mail

Receba novos posts por e-mail:

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog