Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Hoje é celebrado são Charbel Makhlouf, exemplo de vida consagrada e mística (24 de julho)


REDAÇÃO CENTRAL, 24 jul. 22 / 05:00 am (ACI).- São Charbel Makhlouf foi um asceta e religioso do Líbano pertencente ao rito maronita e o primeiro santo oriental canonizado desde o século XIII.
Este santo nasceu em 8 de maio de 1828 em Beqaa-Kafra, o lugar habitado mais alto do Líbano. Cresceu com o exemplo dos seus tios, ambos eremitas. Aos 23 anos, deixou sua casa em segredo e entrou no mosteiro de Nossa Senhora de Mayfuq, tomando o nome de uma mártir sírio: Charbel.
Fez os votos solenes em 1853 e foi ordenado sacerdote em 1859 por dom José Al Marid, sob o patriarcado de Paulo I Pedro Masad. Fixou como sua residência o mosteiro de São Maron, em Annaya, que se encontra a 1067 metros acima do nível do mar.

Padre Charbel viveu nessa comunidade por 15 anos, sendo um monge exemplar, dedicado à oração, ao apostolado e à leitura espiritual.
Tempos depois, sentiu o chamado à vida eremita e, em 13 de fevereiro de 1875, recebeu a autorização para colocá-la em prática. Desde esse momento até a sua morte em 1898, dedicou-se à oração (rezava 7 vezes por dia a Liturgia das Horas), à ascese, à penitência e ao trabalho manual. Comia uma vez por dia e permanecia em silêncio.
A única perturbação à sua oração vinha pela quantidade de visitantes que chegavam atraídos por sua reputação de santidade. Esses buscavam conselho, a promessa de oração ou algum milagre.
Foi beatificado pelo papa Paulo VI em 5 de dezembro de 1965, durante o encerramento do Concílio Vaticano II, e sua canonização aconteceu em 9 de outubro de 1977, durante o Sínodo Mundial dos Bispos.
Sua devoção se estendeu no Líbano, mas também cruzou fronteiras até a América.



Oito dados sobre a vida de são Chárbel, o santo que une cristãos e muçulmanos

Imagem do Santuário de São Charbel / Hannah Brockhaus (ACI Prensa)

REDAÇÃO CENTRAL, 24 jul. 22 / 06:00 am (ACI).- Hoje (24) é celebrada a festa de são Charbel Makhlouf, sacerdote católico, monge e eremita pertencente ao rito maronita, conhecido por ter realizado milhares de milagres em vida, inclusive a muçulmanos e pessoas de outras religiões. Por esse motivo, ACI Digital apresenta uma lista com dados interessantes sobre sua vida.

1. Nasceu no Líbano

São Charbel nasceu em 1828, Joseph Antoun Makhlouf, no povoado libanês de Beqa-Kafra. Era o caçula de cinco irmãos e seus pais eram simples e devotos agricultores maronitas.

2. Buscava a santidade desde criança

Conta-se que o sonho de Joseph era a santidade. Inclusive quando ainda era criança, ia sozinho a uma gruta para rezar. Cresceu com o exemplo dos seus dois tios, ambos eremitas.

3. O nome Charbel está inspirado em um santo da igreja primitiva

Aos 23 anos, deixou sua família em silêncio. Viajou mais de um dia a pé até chegar ao Mosteiro de Nossa Senhora do Líbano, onde começou o noviciado. 2. 2. Buscava a santidade desde criança Buscava a santidade desde criança Quando se juntou à ordem dos monges maronitas libaneses no Mosteiro de São Maron, em Annaya, escolheu o nome de Charbel em homenagem a um mártir do século II.

4. Foi eremita e asceta

O santo viveu 19 anos no Mosteiro de São Maron, muito dedicado à oração, penitência, trabalho manual e silêncio contemplativo. Também viveu um ascetismo rigoroso e uma profunda união com Deus durante os últimos 23 anos de sua vida em uma ermida.

A única perturbação que teve foi o grande número de visitantes que chegavam atraídos por sua reputação de santidade, para buscar conselhos, a promessa de oração ou algum milagre.

4. É o primeiro santo do Líbano

Charbel foi beatificado em 5 de dezembro de 1965 e canonizado em 9 de outubro de 1977, sendo o primeiro santo do Líbano e o primeiro santo oriental a ser canonizado desde o século XIII.

O Papa São Paulo VI comentou na cerimônia de beatificação: “Que símbolo de união entre o Oriente e o Ocidente! Toda a sua existência centrou-se completamente na celebração da Missa, na oração silenciosa diante do Santíssimo Sacramento e na prática heroica das virtudes da obediência, pobreza e castidade”.

5. Sofreu uma paralisia que causou a sua morte

Em 1898, o Pe. Charbel sofreu uma hemiplegia (paralisia de um lado do corpo) ao celebrar a Missa. Morreu oito dias depois, na véspera de Natal, aos 70 anos.

6. Seu corpo foi encontrado incorrupto

Dizem que após a sua morte, apareceu uma luz deslumbrante em torno de seu túmulo. Quando foi aberto quatro meses depois, o corpo do eremita estava incorrupto, secretando sangue e suor. Seu corpo continuou sangrando por muitos anos, e às vezes a substância brotava das paredes de seu túmulo.

7. Viveu como eremita, mas foi muito popular após sua morte

O humilde eremita que só sabia rezar, guardar silêncio, obedecer e fazer penitência tornou-se conhecido em todo o mundo. Em 1952, o Mosteiro de São Maron havia recebido 130 mil cartas de 95 nações, algumas pedindo qualquer coisa que tivesse entrado em contato com o santo monge e outras expressando gratidão pelos favores recebidos.

Além disso, São Charbel recebe cerca de 4 milhões de visitantes por ano, incluindo cristãos e muçulmanos.

8. Realizou milhares de milagres e continua realizando-os

Segundo o Mosteiro de São Maron, desde o início dos prodígios realizados por São Charbel, existem cerca de 29 mil milagres documentados no arquivo do mosteiro. Todos os anos, ocorrem cerca de 100 milagres através de sua intercessão, dos quais pelo menos 10% dos destinatários são pessoas não-batizadas, incluindo muçulmanos, drusos, judeus e ateus.

Antes de 1950, os milagres eram verificados apenas através do testemunho de um sacerdote. Agora, com a mais avançada tecnologia médica disponível, são necessários documentos médicos para demonstrar a doença inicial da pessoa e, posteriormente, uma boa saúde inexplicável.

---

Comentários

Receba Notícias do Blog em seu E-mail

Receba novos posts por e-mail:

Postagens Mais Visitadas do Mês

Beato Carlo Acutis

Clique na imagem para visualizar a oração


***
»Do prefácio de S. Ex.ª Rev.ma Card. Angelo Comastri

"Estar sempre com Jesus, este é o meu projeto de vida".
Com estas poucas palavras, Carlo Acutis esboça a distinta característica de sua breve existência:
viver com Jesus, por Jesus, em Jesus».


Pedidos de Oração no Site Oficial

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Todas estão no Marcador "Orações-Momento de Fé".

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog