Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Papa reza por católicos da Polônia que pedem intervenção do Vaticano frente aos casos de abusos


Papa Francisco. Crédito: Daniel Ibáñez / ACI Prensa

Vaticano, 02 Jul. 20 / 12:30 pm (ACI).- O Papa Francisco reza por um grupo de católicos que pede ao Vaticano que intervenha diante dos casos de abusos sexuais na Polônia, segundo indicou o porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni.

Em 29 de junho, mais de 600 pessoas publicaram um anúncio de uma página no jornal italiano La Repubblica, pedindo ao Santo Padre para intervir no país europeu.

Em 30 de junho, o diretor da Sala de Imprensa do Vaticano, Matteo Bruni, disse aos jornalistas que “o Santo Padre está informado sobre o apelo e reza por aqueles que o fizeram”

"Toda a Igreja deve fazer o possível para que seja aplicada a legislação canônica, para que os casos de abusos venham à tona e os culpados por esses crimes graves sejam punidos", ressaltou.

Em março de 2019, a Conferência Episcopal Polonesa divulgou um relatório que revelou que 382 membros do clero abusaram de 624 vítimas entre 1990 e 2018.

A publicação de 29 de junho tem como título “Santo Padre Francisco! Reconstrói a nossa igreja! Nós te suplicamos! e pede ao Papa que "olhe com atenção para a Igreja na Polônia, onde ocorreram casos de pedofilia, e a lealdade à instituição é cega e surda, mais importante que o bem das vítimas".

"A falta de uma reação decisiva da hierarquia eclesiástica diante dos relatórios de condutas repreensíveis atribuídas a alguns bispos é a causa de um escândalo público e é prejudicial ao bem-estar da Igreja", continua.

"Isso afeta a unidade” da Igreja, “porque nos divide entre os que se preocupam com a imagem da instituição e os que cuidam do bem-estar das vítimas", acrescenta o texto.

O anúncio termina pedindo ao Vaticano e ao Papa que intervenham para "curar as feridas" da Igreja na Polônia.

A iniciativa deste grupo ocorreu alguns dias depois que o Santo Padre nomeou um administrador apostólico para assumir uma diocese polonesa cujo bispo está sob investigação por como lidou com um caso de abuso.

O Vaticano anunciou, em 25 de junho, que o Papa nomeou o Arcebispo de Lodz, Dom Grzegorz Rys, para administrar a Diocese de Kalisz na região central da Polônia, após a acusação contra o Bispo local, Dom Edward Janiak, por não ter lidado bem com as denúncias de abuso contra um sacerdote.

O anúncio no jornal italiano incentiva os leitores a visitarem o site www.dosckrzywdy.pl, que pode ser traduzido como "Basta de injustiças".

O site cita o caso de dois bispos: o Arcebispo Slawoj Leszek Glodz e o Bispo Jan Tyrawa, e afirma que ambos foram denunciados à Congregação para a Doutrina da Fé e à Congregação para os Bispos. Também indica que ambas as congregações não agiram contra os prelados.

Dom Glodz, que serviu como Arcebispo de Gdansk desde 2008, é representado como indiferente frente aos abusos sexuais do clero no documentário Tell No One (Não conte para ninguém), que foi visto quase 24 milhões de vezes desde seu lançamento no YouTube, em 2019.

O documentário também acusa Dom Tyawa, Bispo de Bydgoszcz desde 2004, por não ter lidado de forma correta com o caso de Paweł Kania, um sacerdote que foi expulso do estado clerical, em 2019.

O anúncio do grupo de poloneses também indica que “viemos de diferentes ambientes e contextos, de várias paróquias e comunidades religiosas, mas há algo que nos conecta: nossa fé em Jesus Cristo. Muitos de nós trabalhamos em nossas paróquias, evangelizando e ajudando os necessitados”.

Publicado originalmente em ACI Prensa. Traduzido e adaptado por Nathália Queiroz.

Fonte: ACI digital

Comentários

Postagens Mais Visitadas do Mês

Postagens mais visitadas

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Nas postagens antigas há diversas orações, do antigo programa de rádio Momento de Fé do Padre Marcelo Rossi.

Este Blog não é do Padre Marcelo Rossi; para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele :

1) Padre Marcelo Rossi


2) Facebook Padre Marcelo Rossi


Obrigada - Adriana dos Anjos/Devoção e Fé Blog