Vigilância-1° Domingo do Advento (Ano B) - Devoção e Fé - Blog Católico

domingo, 30 de novembro de 2014

Vigilância-1° Domingo do Advento (Ano B)

Vigilância 

1° Domingo do Advento

Evangelho de Mc 13, 33-37
33. Ficai de sobreaviso, vigiai; porque não sabeis quando será o tempo.
34. Será como um homem que, partindo em viagem, deixa a sua casa e delega sua autoridade aos seus servos, indicando o trabalho de cada um, e manda ao porteiro que vigie.
35. Vigiai, pois, visto que não sabeis quando o senhor da casa voltará, se à tarde, se à meia-noite, se ao cantar do galo, se pela manhã,
36. para que, vindo de repente, não vos encontre dormindo.
37. O que vos digo, digo a todos: vigiai!.
Reflexão

Com este primeiro domingo do Advento começa um novo Ano Litúrgico. Em cada Ano Litúrgico a Igreja torna presente todo o Mistério de Jesus Cristo, desde o anúncio de Sua vinda até o Seu retorno glorioso, no fim dos tempos. No trecho do Evangelho de hoje, Cristo nos convida a tornar a nossa vida uma espera pelo Dia do Senhor. Vigiar significa viver a vida em todas as suas dimensões, sempre na comunhão com Deus. Vigiar é olhar e perceber a presença de Cristo em nossa vida, estar sempre com Ele para viver do jeito dele a fé e o amor. Por vezes é difícil perceber a presença de Jesus e estar em comunhão com Deus. Às vezes a vida parece ser uma longa noite, mas o dia se aproxima (Rm 13, 12). Nosso destino é o dom da vida eterna, onde somos esperados por Deus num dia claro que não termina nunca. Esta certeza nos foi dada pelo próprio Cristo que é o caminho, a Verdade e a Vida (Jo 14, 6).[a]

Oração

Senhor Jesus, quanto mais avançamos na vida, mais depressa o tempo parece passar. Isso até pode ser bom, pois nos lembra a brevidade da vida, e a necessidade de a aproveitar para o bem, da melhor maneira possível. Ajudai-me, então, a não perder tempo, e a me ocupar com as tarefas que me confiastes. Não deixeis que me vença o desânimo, quando os resultados parecerem pequenos. Fazei-me atento, para perceber nos acontecimentos e nas palavras sinais que me possibilitem entender o que esperais de mim. Não quero perder nenhum dos momentos de graça que semeais em minha vida. Conheço minha fraqueza, por isso eu vos peço que me conserveis em vosso serviço, perseverando, apesar de todas as dificuldades. Amém. [b]

Fonte: Revista O Mílite (novembro/2014) [a]
Revista de Aparecida (novembro/2014) [b]



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé