Santo Agostinho - 28/agosto - Devoção e Fé - Blog Católico

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Santo Agostinho - 28/agosto


Santo Agostinho - 28/agosto
 Padroeiro dos filósofos, oradores e editores. 
Padroeiro e Fundador dos Agostinianos

História: Após uma vida devassa, Santo Agostinho foi convertido aos trinta e dois anos em Milão, de forma milagrosa, sob as mãos de Santo Ambrósio. Após a morte de sua mãe (Santa Mônica), regressou à África, consagrando-se à vida religiosa.

Santo Agostinho tornou-se padre e depois bispo de Hipona, na Argélia, e trabalhou por cerca de 40 anos contra as heresias, realizando diversos escritos que são verdadeiras obras-primas, como as Confissões e as Retratações, a Cidade de Deus (espécie de teologia da história), o tratado da Trindade, entre outros.

De caráter generoso e simpático, capacidade de perdoar e extrema sensibilidade, Santo Agostinho conseguiu atrair e unir a si os seus próprios adversários. Sua primeira regra religiosa fez com que surgisse, em diversas épocas, formas de vida religiosa, as quais consideram-no como “pai”. Além dos agostinianos, cerca de 20 mil religiosos seguem sua regra até hoje. É o primeiro dos quatro grandes doutores do Ocidente.  


Orações de Santo Agostinho

Tarde vos amei

"Tarde vos amei, ó beleza tão antiga e tão nova, Tarde vos amei!
Eis que habitáveis dentro de mim, e eu lá fora procurando-vos!
Disforme, lança-me sobre estas formosuras que criastes.
Estáveis comigo, e eu não estava convosco!
Retinha-me longe de Vós aquilo que não existia se não existisse em Vós.
Porém, chamastes-me com uma voz tão forte que rompestes a minha surdez!
Brilhastes, cintilantes, e logo afugentastes a minha cegueira!
Exalastes perfume: respirei-o suspirando por Vós.
Tocastes-me e ardi no desejo de Vossa paz!
Só na grandeza de Vossa misericórdia coloco toda a minha esperança.
Dai-me o que me ordenais, e ordenai-me o que quiserdes". (Conf. X, 27 e 29) 


Oração da Intimidade com Deus

Vós, que estais acima de nós.
Vós, que sois um dentre nós.
Vós, que sois também em nós.
Que todos Vos possam ver, também em mim.
Que eu possa preparar o caminho para Vós.
Que eu possa agradecer por tudo que me tem acontecido.
Que eu não esqueça jamais as necessidades dos outros.
Conservai-me em Vosso amor, assim como quereis que os outros se conservem no meu.
Que tudo no meu ser se transforme em Vosso louvor.
Que eu jamais chegue a desesperar!
Pois eu estou em Vossas mãos e toda força e bondade estão em Vós.
Dai-me um espírito puro, para que eu Vos possa ver!
Dai-me um espírito humilde, para que eu Vos possa ouvir!
Dai-me um espírito amoroso, para que eu Vos possa servir!
Dai-me um espírito fiel, para que eu possa permanecer em Vós. Amém! 


Prece

Senhor meu Deus, glória vos dou.
No meu caminhar por estradas incertas, sede o meu guia.
Nos momentos de aflição, fazei com que eu enxergue vossa luz.
Quando atingido pelo sofrimento, dai-me forças para que eu suporte sem desespero.
Diante das dificuldades, dai-me mais fé.
Permiti que a vossa luz
se faça em meu coração e eu possa espalhá-la ao redor dos meus passos.
Senhor, concedei-me o perdão das faltas, mas concedei-me
também a coragem e a resignação para ressarcir os meus débitos.
Estendei, enfim, sobre mim e todos aqueles que comigo
cruzarem a estrada da vida, um sopro de paz e fraternidade.  


Orando com Santo Agostinho

Senhor, a ti que desejo ir: o que te peço, ainda, é que digas como alcançar-te. Se nos abandonas, perecemos.

Mas tu não nos abandonas, porque é o sumo Bem, a quem todos encontram, quando retamente te procuram.

Ensina-me, pois, ó Pai, a procurar-te, liberta-me do erro, faze que, na minha busca, nada que não seja tu apresente-se em meu caminho.

Pois, visto ser verdade que a ninguém mais desejo senão a ti, faze, eu te suplico, ó Pai, que eu possa encontrar-te.

Mas, se ainda subsiste em mim algum desejo vão, despoja-me dele.

Purifica-me, tu mesmo, e torna-me capaz de te ver.

Permite-me, enquanto tiver de conduzir e levar este meu corpo, que eu seja puro, magnânimo, justo e prudente, perfeito amante e conhecedor de tua sabedoria.

Torna-me digno da tua morada e que possa assim vir a habitar no teu beatíssimo Reino. Assim seja! Assim seja! (Solilóquios 1,6) 


Oração à Santo Agostinho

Ó excelso doutor da graça, Santo Agostinho. Tu que contaste as maravilhas do amor misericordioso operado em tua alma, ajuda-nos a confiar sempre e unicamente na ajuda divina.Ajuda-nos, ó grande Santo Agostinho, a encontrar a Deus " eterna verdade. Verdadeira caridade, desejada eternidade ". Ensina-nos a crer e viver na graça, superando nossos erros e angústias. Acompanha-nos à vida eterna, para amar e louvar incessantemente ao Senhor. Amém! 


Oração Santo Agostinho

Onipotente e Misericordioso Deus, que destes a Agostinho a graça da santidade e o Dom da inteligência a serviço do Evangelho, fazei com que eu também saiba converter todos os meus dias e horas em ocasiões para servir e amar, dando testemunho da Vossa Verdade. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, amém. 
Santo Agostinho, rogai por nós.




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé