Santo Inácio de Antioquia - 17 de outubro - Devoção e Fé - Blog Católico

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Santo Inácio de Antioquia - 17 de outubro

Santo Inácio de Antioquia
 17 de outubro

Inácio foi bispo de Antioquia da Síria entre 68 e 100 ou 107, discípulo do apóstolo João, também conheceu São Paulo e foi sucessor de São Pedro na igreja em Antioquia fundada pelo próprio apóstolo. Segundo Eusébio de Cesaréia, Inácio foi o terceiro bispo de Antioquia da Síria e segundo Orígenes teria sido o segundo bispo da cidade.
Antioquia, à margem do Orontes, a capital da província romana da Síria, terceira cidade do Império depois de Roma e Alexandria ocupa um importante lugar na história do Cristianismo. Foi aqui que Paulo de Tarso pregou o seu primeiro sermão cristão (numa sinagoga), e foi aqui que os seguidores de Jesus foram chamados pela primeira vez de cristãos.

Santo Inácio foi detido pelas autoridades e transportado para Roma, onde foi condenado à morte no Coliseu, e foi martirizado por leões. No centro do Coliseu romano, o bispo cristão aguarda ser trucidado pelas feras, enquanto a multidão exulta em gritos de prazer com o espetáculo sangrento que vai começar. Por sua vez, no estádio, cristãos incógnitos, misturados entre os pagãos, esperam, horrorizados, que um milagre salve o religioso. Os leões estão famintos e excitados com o sangue já derramado na arena. O bispo Inácio de Antioquia, sereno, esperava sua hora pronunciando com fervor o nome do Cristo.

Foi graças a Inácio que as palavras cristianismo e Igreja Católica surgiram. Era o início dos tempos que mudaram o mundo, próximo do ano 35 da era cristã, quando ele nasceu. Segundo os estudiosos, não era judeu e teria sido convertido pela primeira geração de cristãos, os apóstolos escolhidos pelo próprio Jesus. Cresceu e foi educado entre eles, depois sucedeu Pedro no posto de bispo de Antioquia, na Síria, considerada a terceira cidade mais importante do Império Romano, depois de Roma e Alexandria, no Egito. Gostava de ser chamado Inácio Nurono. Inácio deriva do grego "ignis", fogo, e Nurono era nome que ele mesmo dera a si, significando "o portador Deus". Desse modo viveu toda a sua vida: portador de Deus que incendiava a fé.

Mas sua atuação logo chamou a atenção do imperador Trajano, que decretou sua prisão e ordenou sua morte. Como cristão, deveria ser devorado pelas feras para diversão do povo ávido de sangue. O palco seria o recém-construído Coliseu.
A viagem de Inácio, acorrentado, de Antioquia até Roma, por terra e mar, foi o apogeu de sua vida e de sua fé. Feliz por poder ser imolado em nome do Salvador da humanidade, pregou por todos os lugares por onde passou, até no local do martírio. Sua prisão e condenação à morte atraiu todos os bispos, clérigos e cristãos em geral, de todas as terras que atravessou. Multidões juntavam-se para ouvir suas palavras. Durante a viagem final, escreveu sete cartas que figuram entre os escritos mais notáveis da Igreja, concorrendo em importância com as do apóstolo Paulo. Em todas faz profissão de sua fé, e contêm ensinamentos e orientações até hoje adotados e seguidos pelos católicos, como ele tão bem nomeou os seguidores de Jesus.

Numa dessas cartas, estava o seu especial pedido: "Deixai-me ser alimento das feras. Sou trigo de Deus. É necessário que eu seja triturado pelos dentes dos leões para tornar-me um pão digno de Cristo". Fazia-o sabendo que muitos de seus companheiros poderiam influenciar e conseguir seu perdão junto ao imperador. Queria que o deixassem ser martirizado. Sabia que seu sangue frutificaria em novas conversões e que seu exemplo tocaria o coração dos que, mesmo já convertidos, ainda temiam assumir e propagar sua religião.

Em Roma, uma festa que duraria cento e vinte dias tinha prosseguimento. Mais de dez mil gladiadores dariam sua vida como diversão popular naquela comemoração pela vitória em uma batalha. Chegada a vez de Inácio, seus seguidores e discípulos esperavam, ainda, o milagre que não viria, porque assim desejava o bispo mártir. Era o dia 17 de outubro de 107, sua trajetória terrena entrava para a história da humanidade e da Igreja.


 Na iminência do martírio prometeu aos cristãos que mesmo depois da morte continuaria a orar por eles junto de Deus:
"Meu espírito se sacrifica por vós, não somente agora, mas também quando eu chegar a Deus. Eu ainda estou exposto ao perigo, mas o Pai é fiel, em Jesus Cristo, para atender minha oração e a vossa. Que sejais encontrados nele sem reprovação"— Inácio

Cartas de Santo Inácio

Chamado Teóforo - portador de Deus - Inácio, ao ser transportado para Roma, sabia que cristãos de influência na corte imperial poderiam impedi-lo de alcançar Cristo pelo martírio, por isso, dentre tantas cartas que enviara para as comunidades cristãs, a fim de edificar, escreveu em especial à Igreja Católica em Roma: "Eu vos suplico, não mostreis comigo uma caridade inoportuna. Permiti-me ser pasto das feras, pelas quais me será possível alcançar Deus, sou trigo de Deus e quero ser moído pelos dentes dos leões, a fim de ser apresentado como pão puro a Cristo. Escutai, antes, as feras, para que se convertam em meu sepulcro e não deixem rasto do meu corpo. Então serei verdadeiro discípulo de Cristo".

Nesta mesma carta há uma preciosa afirmação sobre a presença de Cristo na Eucaristia: "Não encontro mais prazer no alimento corruptível nem nos gozos desta vida, o que desejo é o pão de Deus, este pão que é a carne de Cristo e, por bebida, quero seu sangue, que é o amor incorruptível".

Santo Inácio escreveu sete cartas: Epístola a Policarpo de Esmirna, Epístola aos Efésios, Epístola aos Esmirniotas, Epístola aos Filadélfos, Epístola aos Magnésios, Epístola aos Romanos, Epístola aos Tralianos.

Oração 

Deus, nosso Pai, que as palavras de Santo Inácio de Antioquia sirvam hoje para nossa meditação. Animados pelo seu exemplo de fé e de confiança em vós, sejamos fortalecidos pela vossa graça. Assim testemunhemos com nossa vida o Evangelho do Deus vivo e verdadeiro: Oxalá goze eu das feras que estão para mim destinadas e que, faço votos, se mostrem velozes para comigo! Eu mesmo as atiçarei para que me devorem rapidamente, e não seja eu como alguns, a quem, cheias de medo, elas não se atrevem a tocar. E se elas não quiserem aquilo que de boa vontade se lhes oferece, eu mesmo as obrigarei. Perdoai-me, eu sei o que me convém. Agora começo a ser discípulo. Nenhuma coisa, visível nem invisível, seja posta diante de mim por má vontade, impedindo-me alcançar Jesus Cristo.

Fonte:  
http://www.paulinas.org.br/



4 comentários :

  1. Mãe querida,Nossa senhora Aparecida,Oh!Santa Rita de Cassia, Oh! Meu glorioso São Judas Tadeu protector das causas impossíveis Santo Expedito,o santo da ultima hora e Santa Edvirges a Santa dos necessitados intercedam por mim junto ao pai.(que FULANO faça boas provas,que consiga passar na escola,que consiga tirar boas notas na prova,consiga fazer com muita atenção,tranquilidade e paz,tudo o aquilo que ela for estudar,será o que vai sair nas provas,serão provas muito fáceis, e também tirará nota muito boa nos trabalhos, por favor ajude-a a ir bem tanto nas provas como nos trabalho,lhe mostre as respostas certas). Eu vos glorifico e vos louvo sempre curvar-me-ei diante de vos.Rezar 1 pai nosso e 3 ave-maria:Confio em Deus todas as minhas forças e peço que ilumine o meu caminho e minha vida Amém! 

    Atenção rezar e publicar 3 dias.Observe o que acontecera no 4 dia sua graça será alcançada por mais difícil que seja
    Deletar oração
        

    ResponderExcluir
  2. Senhor venho com um imenso medo no coração de fracassar mais uma vez , de decepcionar a minha mãe que espera tanto de mim , de me decepcionar com todo o esforço que eu tive esse ano , com o tanto que eu sofri , eu não posso e não quero reprovar mais uma vez , me arrependo senhor por ter fracassado , mas não quero fracassar de novo , me ajuda me ilumina , eu te imploro , faz dois dias que eu não consigo parar de chorar , não consigo olhar direito para a minha mãe, tô sem vontade de viver, porque parece que tudo que eu fiz não serviu pra nada , senhor eu sei que já te decepcionou muitas vezes , mas me da mais uma chance de te provar que eu posso , por favor meu Deus .

    ResponderExcluir
  3. Senhor venho com um imenso medo no coração de fracassar mais uma vez , de decepcionar a minha mãe que espera tanto de mim , de me decepcionar com todo o esforço que eu tive esse ano , com o tanto que eu sofri , eu não posso e não quero reprovar mais uma vez , me arrependo senhor por ter fracassado , mas não quero fracassar de novo , me ajuda me ilumina , eu te imploro , faz dois dias que eu não consigo parar de chorar , não consigo olhar direito para a minha mãe, tô sem vontade de viver, porque parece que tudo que eu fiz não serviu pra nada , senhor eu sei que já te decepcionou muitas vezes , mas me da mais uma chance de te provar que eu posso , por favor meu Deus .

    ResponderExcluir
  4. Senhor venho com um imenso medo no coração de fracassar mais uma vez , de decepcionar a minha mãe que espera tanto de mim , de me decepcionar com todo o esforço que eu tive esse ano , com o tanto que eu sofri , eu não posso e não quero reprovar mais uma vez , me arrependo senhor por ter fracassado , mas não quero fracassar de novo , me ajuda me ilumina , eu te imploro , faz dois dias que eu não consigo parar de chorar , não consigo olhar direito para a minha mãe, tô sem vontade de viver, porque parece que tudo que eu fiz não serviu pra nada , senhor eu sei que já te decepcionou muitas vezes , mas me da mais uma chance de te provar que eu posso , por favor meu Deus .

    ResponderExcluir

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé