Nossa Senhora da Dores - 15 de setembro - Devoção e Fé - Blog Católico

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Nossa Senhora da Dores - 15 de setembro


15 de setembro-Nossa Senhora das Dores 

(também chamada Nossa Senhora da Piedade, Nossa Senhora da Soledade, Nossa Senhora das Angústias, Nossa Senhora das Lágrimas, Nossa Senhora das Sete Dores, Nossa Senhora do Calvário ou ainda Nossa Senhora do Pranto; e invocada em latim como Beata Maria Virgo Perdolens (ou Mater Dolorosa) é um dos plúrices títulos pelos quais a Igreja Católica venera a Virgem Maria, sendo sob essa designação particularmente cultuada em Portugal.
O culto à Mater Dolorosa iniciou-se em 1221, no Mosteiro de Schönau, na Germânia. Em 1239, a sua veneração no dia 15 de Setembro teve início em Florença, na Itália, pela Ordem dos Servos de Maria (Ordem Servita). Deve o seu nome às Sete Dores da Virgem Maria:
  • A profecia de Simeão sobre Jesus (Lucas, 2, 34-35)
  • A fuga da Sagrada Família para o Egito (Mateus, 2, 13-21);
  • O desaparecimento do Menino Jesus durante três dias (Lucas, 2, 41-51);
  • O encontro de Maria e Jesus a caminho do Calvário (Lucas, 23, 27-31);
  • Maria observando o sofrimento e morte de Jesus na Cruz (João, 19, 25-27);
  • Maria recebe o corpo do filho tirado da Cruz (Mateus, 27, 55-61);
  • Maria observa o corpo do filho a ser depositado no Santo Sepulcro (Lucas, 23, 55-56).
-----------------------------------------------

Stabat Mater... Estava a Mãe

Estava a mãe cheia de dor
junto à cruz, lacrimosa
da qual seu filho pendia

Em sua alma sofrida
triste e dolorida
a espada traspassava

Ó quão triste e aflita
estava ela, a bendita
Mãe do filho unigênito

Ela sofria e tremia
a Mãe que vigia
as dores do glorioso Filho

Qual o homem que não chora
ao ver a Mãe de Cristo
em tanto suplício?

Quem poderia não se entristecer
ao contemplar a Mãe de Cristo
sofrendo com o Filho?

Pelos pecados da sua gente
viu Jesus no tormento
flagelados pelo seus súditos

Viu seu doce Filho
morrendo desolado
ao entregrar o espírito

Ó Mãe, fonte do amor
faça-me sentir toda tua dor,
para que eu chore contigo.

Faça que meu coração arda
de amor por Cristo Deus
para que possa consolá-lo

Santa Mãe, isto te peço
as chagas do Crucifíxo
sejam marcadas em meu coração

De teu Filho chagado
que por mim se dignou sofrer
divida as dores as dores comigo

Deixe-me chorar sinceramente
contigo e compartilhar o sofrimento do
crucifixado, enquanto viver.

Deixe-me estar contigo junto à cruz
e contigo compartilhar
Tuas lágrimas é meu desejo.

Virgem das Virgens preclara,
não sejas comigo avara,
Faça-me chorar contigo.

Faça-me delas chagado,
desta cruz embriagado,
por amor do Filho

Inflamado e elevado pelas chamas,
por ti,Virgem, serei defendido
no dia do juizo

Faça com que eu seja protegido pela
cruz, fortalecido pela morte de Cristo,
confortado pela sua graça.

Quando meu corpo morrer
faça com que seja dada à minha alma
a glória do Paraíso

Amém. Pelos séculos dos séculos.

*Tradução do poema Stabat Mater (do latim "Estava a Mãe") do século 13 atribuído a Jacopone da Todi, um abade franciscano que morreu em 1306. Há muita variação nos diversos textos musicados, com mudança de algumas poucas palavras, mas que mantém o mesmo sentido. Veja o vídeo:



Fonte: Wikipédia / Orkut



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Avisos

Olá irmãs e irmãos de fé! Paz e Bem!

Para ajudar, tenho colocado as orações do programa de rádio Momento de Fé, porém muitos estão se confundindo e achando que meu blog é do Padre Marcelo Rossi. Irmãs(os), este blog não é do Padre Marcelo Rossi, para que sua mensagem chegue ao padre, você terá que acessar os sites dele : 1) Padre Marcelo Rossi 2) Facebook Padre Marcelo Rossi

Obrigada - Adriana/Devoção e Fé